Quinta-feira, 1 de Outubro de 2009

Vigilante1.12

O início dos anos 90 foi um período bastante fértil para os videogames, especialmente no que se refere ao gênero dos beat’em ups. Os jogos dessa linha normalmente são constituídos por um ou dois personagens na tela, cujo único objectivo é socar e chutar todos os inimigos que surgem pelo caminho.

Era possível contar com a ajuda de objectos espalhados pelo cenário, como facas, granadas, mesas e até mesmo extintores de incêndio. Isso é claro, enquanto colecta itens que recuperam energia, como os famosos frangos assados.

Diversos personagens famosos tiveram jogos do género, como o Homem Aranha , Justiceiro e até mesmo as Tartarugas Ninja. Isso sem contar aqueles que ficaram famosos devido aos beat’em ups, como Guy e Cody de Final Fight, que anos mais tarde fariam participações na série Street Fighter Alpha. Porém, com o declínio dos fliperamas e a ascensão dos consoles caseiros, o género perdeu bastante destaque e actualmente sobrevive somente na memória dos saudosistas.

Vigilante é um jogo que procura reviver a era dourada do género, trazendo uma grande dose de acção e pancadaria, com direito a dezenas de inimigos na tela e acessórios para ajudar o herói a conquistar as diversas fases disponíveis. A história segue o padrão de outros beat’em ups: uma gangue de skinheads raptou a namorada do herói, Madonna, e cabe a ele fazer justiça com as próprias mãos. Isso significa passar por diversos locais socando e chutando tudo que aparecer pelo caminho, sem espaço para perguntas ou subtilidades.
A jogabilidade é bastante simples: enquanto as teclas direccionais são responsáveis por movimentar o personagem, shift e ctrl são responsáveis pelos chutes e socos. Combinações entre os botões de ataque e setas direcionais resultam em diferentes ataques, como voadoras, chutes rotatórios e rasteiras. Caso você deseje, pode mudar a configuração de todo o jogo, inclusive com a opção de utilizar um controle USB em vez do teclado.

Como todo jogo que presa pelo estilo arcade, Vigilante possui uma dificuldade bastante acentuada, que requer bastante treino até ser dominada. Mesmo nas opções mais fáceis é comum se ver cercado por inimigos, sem nenhuma outra opção a não ser perder boa parte da energia disponível tentando abrir caminho. Como há somente três vidas disponíveis e um continue, a tela de Game Over será uma visão constante, algo que pode frustrar bastante jogadores acostumados com conveniências modernas como continues infinitos e checkpoints.

Gratuito

Tamanho: 2,09 MB

Sistema: Windows XP/Vista

Empresa: IREM CORP

LINK

tags:
publicado por Admin às 11:19
link do post | comentar | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Abril 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30

.últ. comentários

Este link não funciona. Por favor, coloque um novo...
cria um novo link por favor
http://youtu.be/jb3FvmaWtRo
Meu sonho è ter sexo com ela...
Faço desde já uma declaração prévia: sou agnóstico...
Faço desde já uma declaração prévia: sou agnóstico...
Si quieren ver mas de ella visiten: http://bootyc...
adoro documentarios !!!show de bola esse blog !!!!...
eu saquei o jogo mas nao consigo jogar, ele foi te...
em 1º lugar, para os que tem o minimo de conhecime...
blogs SAPO

.subscrever feeds